Merecidamente

Gilberto Gil foi eleito, hoje, por maioria absoluta (21 votos) à cadeira de número 20 da Academia Brasileira de Letras. O músico, de 79 anos, acompanhou a votação na casa de amigos, em Ipanema. Gil é, atualmente, o segundo negro a ocupar uma cadeira na ABL (o outro é Domício Proença Filho). Para a vaga também concorreram o poeta Salgado Maranhão (7 votos) e o autor e crítico literário Ricardo Daunt (nenhum voto).

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *