Absurdo

Carlos Tufvesson repercutiu com ironia, no Twitter, o projeto que permite aos psicólogos promover tratamento com o objetivo de curar a homossexualidade, aprovado hoje na Comissão de Direitos Humanos da Câmara, comandada por Marco Feliciano. “Será que a minha ‘doença’ terá também isenção de impostos? Vale-transporte? Creio que deva ser tratada no exterior a cada quatro meses bancado pelo SUS?”, questionou o estilista.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *