Adeus, Linda!

Linda Conde, figura lendária no eixo Rio-SP e chamada de “a mais carioca das dinamarquesas”, morreu na manhã de hoje, em sua casa no Pacaembú, aos 85 anos. Foi uma morte tranquila: acordou, brincou com os cachorros e voltou para descansar. Não acordou mais. O velório será neste sábado, 21, das 9h às 11h30, no Cemitério de Araçá, seguido por cremação na Vila Alpina. Linda amava o Carnaval do Rio (por anos e anos desfilou na Beija-Flor), era fotógrafa, colecionadora de arte e chegou a ser atriz na década de 1950, na Europa. Uma mulher de várias facetas, grandes paixões e sempre à frente do tempo. Fará muita falta!

Foto: João Sal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *