Bye, bye!

Charles Cosac pediu demissão do cargo de diretor da Biblioteca Mário de Andrade, na manhã de hoje, em solidariedade ao desligamento do cineasta André Sturm da pasta da Secretaria de Cultura. A decisão foi informada em uma mensagem aos funcionários. Ele assumiu o posto em janeiro de 2017. Dentre seus êxitos, está a programação de artes visuais, que contou com exposição de grandes nomes da arte brasileira, como Luis Paulo Baravelli e José Rufino. O centro cultural também ganhou dez bibliotecários, que possibilitaram, por exemplo, a reabertura do espaço infantil.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *