Inesquecível

Marcos Vilaça fez um discurso, anteontem, 24, na Academia Brasileira de Letras, em homenagem a José Wilker, que morreu no começo de abril. O acadêmico lembrou do trabalho de alfabetização desenvolvido pelo ator e também de uma recente visita que Wilker fez à ABL, onde falou sobre folhetins eletrônicos. Foi aplaudido de pé ao final.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *