OSMIUM INSTITUTE ABRE ESCRITÓRIO EM SÃO PAULO

Mais brilhante e resistente que o diamante, mais denso que o chumbo, mais valorizado que o ouro, mais raro que a prata. Com esses predicados, o ósmio já promove uma espécie de nova corrida do ouro em diferentes países. A expectativa agora é que o mesmo ocorra no Brasil. O Osmium Institute, órgão alemão que detém os direitos de propriedade e de comercialização do ósmio pelo mundo, acaba de abrir escritório em São Paulo. O objetivo é promover a venda do metal no país e em toda a América Latina com um portal de compras online e atendimento personalizado.

O ósmio – na sua versão cristalizada – virou a nova matéria-prima de desejo de designers, marcas de joalheria e investidores. Os preços partem de 115 euros (cerca de 750 reais) considerando 1 milímetro quadrado. Segundo o Osmium Institute, o mercado de ósmio está calculado em 50 bilhões de dólares. A tendência é quadruplicar esse valor até 2026 à medida que o metal se torne mais conhecido. Marcas de luxo, como as suíças Hublot e Ulysse Nardin, por exemplo, estão produzindo relógios com caixa e ponteiro feitos com cristais de ósmio.

Fotos: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *